SONY DSC

Formação Continuada de Professoras da Educação Infantil: Proposta metodológica de formação colaborativa compartilhada em instituições de Educação Infantil

Fruto da pesquisa de mestrado profissional: “Matemática na creche? Uma reflexão sobre as práticas pedagógicas em um Centro Municipal de Educação Infantil em Contagem”, de Ana Luisa Viana Pacheco, orientada pela professora Maria Inês Mafra Goulart (FaE/UFMG), desenvolvido no Mestrado Profissional Educação e Docência- PROMESTRE, FaE/UFMG, o vídeo traz uma reflexão sobre as práticas realizadas em aulas com jogos matemáticos, a partir da exibição de vídeos das atividades realizadas pelas professoras com as crianças.

O projeto tornou-se uma experiência de inversão de perspectivas, tanto no trabalho das professoras que, a partir dessa investigação, começaram a ouvir mais as crianças e ver suas potencialidades, quanto na participação das crianças, que começaram a experimentar o lugar de protagonistas. O vídeo tem como foco auxiliar na formação de profissionais que atuam na Educação Infantil. É, na verdade,uma proposta de roteiro metodológico de formação docente que tem por objetivo disparar um processo inicial de reflexão sobre a prática. Portanto, é direcionado aos formadores que buscam uma metodologia voltada para a reflexão docente e a ressignificação dos processos formativos de forma a repensar os saberes necessários à docência, compartilhando saberes, dúvidas, anseios, próprio da profissão.

FICHA TÉCNICA

ROTEIRO

Ana Luisa Viana Pacheco

Maria Inês Mafra Goulart

FILMAGEM

Ana Luisa Viana Pacheco

EDIÇÃO

Flávio Coelho

TRILHA SONORA

Barbatuques – CD Tum Pá – Samba Lelê

Uakti – Clássicos – 01 – Sonata KV 545 em Do Maior (Allegro) – Mozart

Uakti – Clássicos – 08 – A Flauta Mágica – Pagageno – Mozart

O Teatro Mágico –  Quermesse

O Teatro Mágico – Camarada d’água

O Teatro Mágico – 07 – Separô

Two Steps From Hell – Fill my heart

Palavra Cantada – Pindorama Jonas Tatit

Palavra Cantada Tocada – Sopa Jonas Tatit

 

Luiza Oliveira

Editora Executiva da Revista Brasileira de Educação Básica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *